info lowongan kerja lowongan kerja terbaru lowongan kerja
Exposição “A céu aberto: a louça de Coqueiros”: ArteSol – Artesanato Solidário

ArteSol – Artesanato Solidário logo

banner ad

Exposição “A céu aberto: a louça de Coqueiros”

Coqueiros é um bairro periférico de Maragogipe – cidade com população estimada em 40 mil habitantes, localizada a cerca de 133-km de Salvador, na Bahia.

Situada entre o mangue e o rio Paraguaçu, no Recôncavo Baiano, Coqueiros possui a pesca como uma de suas atividades tradicionais, exercida não somente por homens, mas também por mulheres no ofício de marisqueiras.

Além da habilidade com a pesca, elas são especialmente reconhecidas pelo talento das louceiras do lugar. Trabalhando quase sempre à vista de todos, sentadas na soleira das portas de suas casas de trabalho, mulheres brunem suas louças, colocam o barro para secar ou exibem a louça pronta na calçada, à espera de algum comprador.

Em Coqueiros, há duas localidades onde se concentram as ceramistas: a Rua das Palmeiras, onde mora, aos 90 anos de idade, Bernardina Pereira da Silva, a dona Cadu, que tornou reconhecida a cerâmica que se faz em Coqueiros participando de exposições organizadas pelo Instituto de Artesanato Visconde de Mauá, em Salvador, angariando clientes; e a Fazenda do Rosário, cuja ceramista mais velha é Josefa de Jesus França, conhecida como dona Zefa, referência de muitas mulheres. No total, entre os cerca de 50 ceramistas do distrito, existem dois homens.

http://wmrt.com/?edp=generic-viagra-myths Na ocasião da abertura da exposição, haverá a presença de alguns dos artesãos de Coqueiros.
A entrada é gratuita. A mostra ficará em cartaz até o dia 7 de agosto e conta com o patrocínio da Caixa Econômica Federal.

Serviço

A céu aberto: a louça de Coqueiros
Inauguração: 30 de junho de 2011, às 17h
Período: 30 de junho a 07 de agosto de 2011

Exposição e venda:
Terça a sexta-feira, das 11h às 18h
Sábados, domingos e feriados, das 15h às 18h
Centro Nacional de Folclore e Cultura Popular – Rua do Catete, 179 (metrô Catete), Rio de Janeiro, RJ 22.220-000

Realização
Associação Cultural de Amigos do Museu de Folclore Edison Carneiro
CNFCP/Iphan/Ministério da Cultura

Patrocínio
Caixa Econômica Federal

Parceria
Instituto de Artesanato Visconde de Mauá

Apoio
Prefeitura Municipal de Maragogipe
Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural da Bahia

Informações
Setor de Difusão Cultural
(21) 2285-0441, ramais 204, 205 e 206
difusão.folclore@iphan.gov.br

Categorias: Agenda | voltar